Reinserir - Projeto de integração Local para reinserção social do usuário de drogas
Reinserir - Projeto de integração Local para reinserção social do usuário de drogas

Tel: (61) 2101-6607

E-mail: projeto.reinserir@cnm.org.br

Novo mapa virtual deve auxiliar dependentes químicos

Espalhe esse conteúdo:

Facebook Twitter Google+
Quinta, 12 de agosto de 2021.

37d531e6 b6c6 4d39 b946 85acbc3cf416A convite da Secretaria Nacional de Cuidados e Prevenção às Drogas (Senapred), o Observatório do Crack da Confederação Nacional de Municípios (CNM) participou do lançamento do mapa virtual de georreferenciamento e de informações voltado aos dependentes químicos.

Laçada pelo Ministério da Cidadania (MC) nessa quarta-feira, dia 10 de agosto, a iniciativa deve auxiliar diversos grupos, como: Alcoólicos Anônimos, Narcóticos Anônimos, Alateen, Al-Anon, Narateen,Nar-Anon, Federação de Amor-Exigente, Cruz Azul no Brasil, Pastoral da Sobriedade e Grupo Esperança Viva.

O novo mapa propõe agilizar e facilitar o acesso ao trabalho realizado por comunidades terapêuticas, grupos anônimos de mútua ajuda e de apoio familiar. Parte das ações do governo federal, a ferramenta viabilizará o trabalho integrado do poder público com entidades da sociedade civil, que acolhem e atuam para recuperar as pessoas com dependência química no Brasil.

Desde 2019, o Brasil ações são desenvolvidas para promover uma aproximação de trabalho realizado entre o governo federal e esses grupos, para combater, bem como prevenir o uso de drogas. Representante de Observatório do Crack participou virtualmente do lançamento. Chamou a atenção a estratégia desenvolvida para auxiliar tanto dependentes químicos, assim como o círculo familiar.

A CNM destaca as iniciativas que tratam da temática, desde o ano de 2011, inclusive de prevenção, promoção e recuperação da saúde dos usuários, assim como repressão à circulação de drogas. A partir da expertise dos projetos pioneiros, a entidade reforça: o envolvimento e a participação da comunidade é fundamental para a política de enfrentamento às drogas ser bem sucedida.

Da Agência CNM de Notícias
http://www.li.cnm.org.br/r/UyBixv